Logo Parimpar
Instagram Parimpar
youtube-Parimpar
Linkedin-Parimpar
Facebook-Parimpar
Editor HTML Online
   

O giz da educação vol.6 nº. 4 (2022)
ISSN 2764-0477

Falando de mutações...

tirinha prof. deia inclusao geraldirgerarFONTE: BERNARDINO, Geraldir. Ingual só prá quem é diferente. Belo Horizonte: Parimpar, 2022.

Bom dia, mas bom dia mesmo! Eu sou Madame Zapim e começa agora o seu, o meu, o nosso programa diário “Os astros no comando da educação”! 

- Uma ouvinte que não quer se identificar tem um filho que estuda numa escola infantil particular aqui da cidade. Tanto ela quanto o filho são do signo de Leão. Ele apresenta um déficit de atenção e tem reclamado muito da professora. Mas as referências da escola são as melhores e a tal professora da qual ele reclama, é a mais gabaritada da redondeza. O que fazer?

- Querida ouvinte, o ser de Leão é assim, tem uma percepção em preto e branco que não distingue bem a complexidade e as sutilezas da natureza humana. Seu filho, assim como você se magoam facilmente se não se sentirem o centro das atenções. Talvez seja esse o problema. Você já conversou com outras mães? Não?! Você não costuma fazer isso? Pois a hora é agora, no mês de fevereiro. Aproveite que o ano está só começando e organize um grupo de mães no Zap. Será bom para saber o termômetro da escola e conferir se as reclamações do seu filho são reais ou imaginárias. E será ótimo para você se socializar com outras famílias com problemas parecidos com os seus. Juntas poderão encontrar soluções para as situações do cotidiano. Leve a vida de modo mais leve, exija menos dos Outros. 

- E Madame e se ela, a nossa ouvinte que não quer ser identificada, observar que as reclamações são verdadeiras, o que ela deverá fazer?

- Aí minha querida ouvinte, bora para a escola conversar com a equipe pedagógica. E depois de feito isso, observe ainda mais seu filho no dia a dia escolar. A professora Deia é o exemplo que tentei seguir enquanto profissional da área de educação. A Deia já dava aulas inclusivas antes mesmo das leis sobre o tema. E ela era assim, conseguia fazer com que seus alunos, com ou sem déficit, progredissem nos níveis escolares. E essas são as vibrações para o seu signo no mês de fevereiro. Prevejo associações e energia, mas muito cuidado, nada de confrontos sem a certeza de que seja necessário o ‘olho no olho’. Organize-se com provas contundentes e deixe de lado, pelo menos neste mês, esse jeito impetuoso e centralizador. A lua, ah, a lua, ajudará você nesse percurso, fique tranquila, é só agir com a razão.

Queridos ouvintes da Rádio Transmissora, eu sou Madame Zapim. Estarei com vocês todos os dias, de segunda a sexta, das sete até às nove horas, com o programa “Os astros no comando da educação”! Espero vocês porque aqui, ‘os astros não mentem jamais’!

(“Roda a vinheta!”).

 “Madame Zapim vai ajudar você, prezado ouvinte, na gestão dos problemas escolares nessa difícil fase pela qual estamos passando. Teremos novidades no ar, fiquem atentos!!!” 


Patiluc

“Esta é uma obra de ficção. O uso de metáforas foi a maneira encontrada para contar as vivências da autora, ao longo dos seus mais de 25 anos na área da educação. Atualmente, ela atua como Empreendedora Cultural e mantém a crença de que educação também é sinônimo de cultura.”